Makes & Etc

Blushes da Tango

8 de agosto de 2012 karlans 24Comment

Hola!

Tudo lindo com vocês?!

Então tá bão, vamos lá!! =)

Comprei, já faz um milhão de anos (uns dois meses atrás) dois blushes da Tango.

Aliás, senhoras e senhores, eis uma marquinha baratex que sempre traz muito amor ao meu coração!!

S2

Eu ACHO que paguei uns 6 dólares (ya no me acuerdo…) nessa embalagenzinha loka de brega que vem com dois blushes dentro:

Comprei em uma loja aleatória ali perto da Monalisa (eu sei que esse deve ser o post com as piores indicações de lugar e preço da história do Paraguai Pink, mas o que eu vou fazer se é isso mesmo?!).

Não era uma loja específica de cosméticos (vendiam de tudo um pouco lá) e quem me atendeu foi uma senhora coreana muito gentil e sorridente.

Entrei lá de alegre – passei na frente e resolvi explorar!

Prometo que, se um dia redescobrir a lojinha, volto aqui para atualizar o post, belê?!

=P

Bom, o importante é o teste do blush – até porque, lojas com produtos da Tango são relativamente fáceis de se achar, não só em Ciudad del Este, como em Foz do Iguaçu mesmo…

Fatos peruísticos…

Fora o pavão pseudo-holográfico horrívis na tampa do blush, a embalagem é bacana, mais ou menos resistente, tem um espelho generoso e um “compartimento secreto” (ho ho ho…) pra guardar aquele pincelzinho tosco que vem junto (como a Ju já comentou uma vez, esse tipo de pincel só serve mesmo para fazer retoques e olhe lá!).

O número que escolhi foi o 01 que vem com um blush rosinha fofo e outro pêssego bem bonitinho também.

A pigmentação é muy buena! Aliás, CUIDADO para não sairem com chinelada na cara feito certas peruas sem noção por aí…

A duração também é bastante satisfatória.

Fiz uma viagem recentemente e levei o bendito blush:  me maquiava de manhã e, depois de bater perna o dia inteiro debaixo do sol, à noite o bichinho ainda estava lá corando a minha face – claaaaaaro que não com a mesma intensidade, mas ainda digno!

Sábado passado mesmo usei o dito cujo enquanto fui a Ciudad del Este com a nossa perua gatíssima, Fabi Colling.

Aquele esquema: muito sol, muito calor, muito suor…

E o blush?!

Saí do Paraguai com dignidade no rosto, meu povo!! o/

Defeito?

O cheirão de talco…

Ai gente, por quê? Pra quê?

=/

Não é nada que me faça desistir do blush, mas bem que podiam eliminar esse cheiro de todas os makes da Terra, né?

E é isso aí, mulherada!

Esse foi o teste de uma opção de blushes da Tango mas, pra ser sincera, acho que todos da marca vão no mesmo esquema.

Alguém já experimentou também? Gostou? Odiou?

Muitos beijosssssss

;*******